Governo promove Diálogos Metropolitanos do PDDI da Grande São Luís em Instituições de Ensino
Publicado em 18/12/2018
O Governo do Estado do Maranhão, por meio da Secretaria de Estado das Cidades e Desenvolvimento Urbano (Secid), em parceria com o Instituto Maranhense de Estudos Socioeconômicos e Cartográficos do Maranhão (IMESC) e a Agência Estadual Metropolitana (Agem), encerrou, nesta segunda-feira (17), o Encontro para os Diálogos Metropolitanos do Plano Diretor de Desenvolvimento Integrado (PDDI), com edição na Universidade Federal do Maranhão (UFMA).
 
O evento, que tem como objetivo aproximar a sociedade das discussões sobre o Plano Diretor de Desenvolvimento Integrado da Região Metropolitana da Grande São Luís (RMGSL), que iniciou em novembro deste ano, no campus Paulo VI da Universidade Estadual do Maranhão (UEMA).
 
Foram cinco encontros, todos realizados em universidades públicas e privadas da região, com foco em discutir os eixos de desenvolvimento ligados aos temas territorial, sociodemográfico e econômico.
 
Para o presidente do IMESC, Felipe de Holanda, discutir o PDDI com a comunidade acadêmica é estar atento às especificidades e interesses de cada cidadão. “Debatendo dentro das universidades, desejamos ampliar para o universo acadêmico a agenda de desenvolvimento da região metropolitana, na perspectiva de fortalecimento das políticas públicas, ao passo que tanto o aluno quanto o professor poderão contribuir, de forma qualitativa, em cada um dos eixos que estamos abordando”, pontuou.
 
O secretário-adjunto de assuntos metropolitanos da Secid, José Antônio Viana Lopes, destacou a importância do PDDI: “Este plano dá o norte para as ações, projetos, programas e políticas públicas que os municípios vão implementar junto com o Governo do Estado para o desenvolvimento da Região Metropolitana [da Grande São Luís]. Este instrumento de planejamento é fundamental para que a RMGSL passe a funcionar como uma entidade de gerenciamento compartilhado que resolvam os problemas que afligem a população maranhense”.
 
Além do encerramento na UFMA e de dois encontros na UEMA (campus Paulo VI e unidade Centro), os diálogos foram realizados, também, na UNDB e no Ceuma Renascença.
 
PDDI
 
O PDDI visa construir um processo de planejamento metropolitano, envolvendo as cidades que compõem a Região Metropolitana da Grande São Luís, com participação dos órgãos de gestão municipal, estadual e federal, contando, ainda, com o apoio da sociedade civil organizada em seus movimentos sociais, associações empresariais e populares.
 
A RMGSL, regida pela Lei Complementar Estadual nº 174/2015, abrange 13 municípios - com uma população de 1.590.138 habitantes –: Alcântara, Axixá, Bacabeira, Cachoeira Grande, Icatu, Morros, Paço do Lumiar, Presidente Juscelino, Rosário, Raposa, São José de Ribamar, Santa Rita e São Luís.