Pesquisas ambientais do Imesc analisam a produção de gás em municípios maranhenses
Publicado em 09/05/2018
Entre os dias 18 e 27 de abril, o Instituto Maranhense de Estudos Socioeconômicos e Cartográficos (Imesc) realizou uma série de pesquisas ambientais em cinco municípios maranhenses, como forma de analisar a produção de gás no Maranhão.
 
Entre os municípios pesquisados, estão Trizidela do Vale, Capinzal do Norte, Lima Campos, Santo Antônio dos Lopes e Pedreiras – considerados os principais produtores de gás no Estado.
 
O objetivo das pesquisas é identificar os possíveis impactos ambientais e econômicos, positivos ou negativos, gerados a partir da produção de gás em cada um dos municípios citados.
 
“Será feito um comparativo sobre o antes e o depois da instalação das indústrias [de produção de gás], para identificar os impactos positivos e negativos desta produção na economia e no meio-ambiente, por exemplo. E, inclusive, identificar, também, impactos que podem vir da produção de gás ou não”, pontuou o chefe do departamento de estudos ambientais do Imesc, Ribamar Carvalho.
 
A pesquisa abrange, ainda, identificar atividades desenvolvidas pelas secretarias municipais de meio ambiente com relação à coleta de água e de destinação final dos resíduos sólidos, avaliação da qualidade da água, registros de queimadas, entre outros dados.
 
Segundo o pesquisador, os dados coletados em campo já estão sob análise, e devem ser lançados junto com os dados secundários catalogados pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) e Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE).
 
A publicação referente às pesquisas ambientais sobre produção de gás no Maranhão tem previsão de lançamento para junho deste ano.